quinta-feira, 20 de agosto de 2009

A Importancia da Boa Nutrição para a Gestante


Ao planejar e vivenciar uma gestação, é importante que o organismo materno esteja em equilíbrio. O primeiro trimestre caracteriza-se por grandes modificações biológicas devido à intensa divisão celular. A saúde do embrião vai depender, principalmente, da condição nutricional anterior à gestação. O benefício é maior para as mulheres que se alimentam de forma saudável e cujo peso esteja o mais adequado possível, antes de engravidar. O segundo e terceiro trimestres integram uma nova fase, em que o meio externo vai exercer influência direta na condição nutricional do feto. O ganho de peso adequado, a ingestão de nutrientes, o fator emocional e o estilo de vida são determinantes para o crescimento e desenvolvimento normais do bebê.
Proteínas, calorias, minerais (ferro, cálcio, folato, zinco) e vitaminas (A, D, C) são nutrientes essenciais para o desenvolvimento de um bebê sadio. O equilíbrio da ingestão e o aproveitamento desses nutrientes dependem de uma alimentação saudável. É fundamental saber que qualquer recomendação nutricional deve ser personalizada, pois cada organismo apresenta uma individualidade bioquímica, da mesma forma que qualquer suplemento deve ser prescrito por um especialista, pois o consumo excessivo de certos nutrientes pode ser prejudicial ao bebê.
O que fazer, então? Melhore a qualidade de sua alimentação. Quanto mais coloridos forem os alimentos das suas refeições, com toda a certeza, você estará fornecendo ao seu organismo todos os nutrientes de que ele precisa. Fique atenta para essas cores: verde, vermelho, amarelo, laranja, roxo, branco. Alimentos orgânicos são bem-vindos, pela baixa quantidade de agrotóxico que possuem. Melhore também sua mastigação, o tempo de suas refeições e a ingestão de água. Estas pequenas atitudes já são um grande passo nesta magnífica demonstração de amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada por seu comentário!